14 de fevereiro de 2011

Carta para minha gatinha


MINHA GATINHA LINDA,

Quando trocamos os primeiros e-mails, sinceramente eu não imaginava que um dia eu me apaixonaria por você dessa forma.
Quando nos encontramos pela primeira vez, eu gostei do seu jeito, te achei muito linda e tive vontade de ficar contigo, mas ainda não sabia o que estaria por vir.
Então, em uma bela noite na praia de Copacabana, eis que surge o primeiro beijo. Foi o início de um sentimento que só cresceu desde então. Sei que te pedi em namoro muito rápido, mas eu sabia de alguma forma que você era a mulher que eu estava procurando. Talvez eu até estivesse errado, mas eu senti que deveria tentar assim mesmo.
Hoje, depois de quase seis meses, eu percebo que não me enganei, você é mesmo a mulher da minha vida, a garota com quem eu sonhava quase todas as noites, mas que insistia em não aparecer. Mas um dia você surgiu, de mansinho, na tela de um computador, e de repente invadiu a minha realidade, transformando-a, preenchendo-a.
Como todo casal, tivemos pequenos desentendimentos neste período, mas isso é normal, acho até que às vezes eles são importantes, porque nos fazem perceber a verdadeira dimensão de nossos sentimentos. Mas acima de tudo, tivemos ótimos momentos juntos, viagens, passeios, noites inteiras agarradinhos, ...
Mas quero que saiba que para mim não importa o local nem a ocasião, o que realmente importa é estar com você, é sentir você, é poder te abraçar, te beijar e dizer o quanto és importante na minha vida.
Eu poderia ficar aqui escrevendo para você o dia inteiro, mas as palavras continuariam preenchendo o papel e mesmo assim nunca seriam suficientes. O que sinto é maior do que qualquer carta poderia expressar, por isso vou terminar com uma frase que sintetiza tudo o que venho tentando dizer até agora:

EU TE AMO!

Carta que escrevei para minha princesa no dia 16/01/2010 (aniversário dela)